Acessibilidade

Passado e futuro se encontram na biblioteca da Imprensa Oficial

No Dia do Bibliotecário, comemorado em 12 de março, a biblioteca da Imprensa Oficial do Estado do Amazonas (IOA) tem muito o que comemorar. Além de ser o depositório de todos os atos da administração do Estado do Amazonas desde 1893, a biblioteca está passando por um processo de modernização que inclui a digitalização de seu acervo e restauro das edições mais antigas do Diário Oficial do Amazonas.


A satisfação de trabalhar na biblioteca da IOA é encontrada facilmente em uma conversa com as responsáveis pelo funcionamento do setor. Lúcia Helena Magalhães, Regina Martins Grandal, Santa Ana de Fátima Santana e Rosa Gomes Nascimento trabalham há muitos anos – algumas há décadas – na biblioteca.
Rosa Gomes Nascimento, por exemplo, já conta quatro décadas no ofício. E relata que a rotina do local, no que se refere ao atendimento ao público externo, consiste principalmente na busca de atos publicados no Diário Oficial do Estado para a obtenção de cópias autenticadas das publicações. A biblioteca é aberta ao público de segunda a sexta, das 8h às 14h.


“A maioria das pessoas que chegam aqui querem pesquisar os jornais antigos. Muitos para a revisão da aposentadoria, outros por atos que envolvem terras, terrenos e também buscando a publicação de resultado de concursos”, conta. “Quando encontram o que querem, tiramos xérox e autenticamos conferindo com a publicação original”, diz.
Com 30 anos de serviços prestados à biblioteca da Imprensa Oficial, Santa Ana de Fátima Santana afirma que gosta muito do que faz. “Gosto muito de ler e fazer pesquisas nos Diários Oficiais me dá essa oportunidade”, afirma.

FUTURO
Novata na biblioteca da IOA, a arquivista Hemmilys Maia está envolvida com um projeto que representa o futuro e a atualização da biblioteca da IOA diante da era digital. Ela está responsável por organizar todo o acervo da instituição, que inclui desde os livros – sim, há também um grande acervo de livros na biblioteca – até todas as edições do Diário Oficial do Estado do Amazonas.
Além da catalogação de todo o acervo, o projeto inclui também a digitalização das edições físicas do Diário Oficial, o que vai facilitar a pesquisa e o acesso eletrônico às publicações. Na primeira fase do projeto, serão digitalizados os Diários de 1893 a 1955.


Junto ao projeto de catalogação e digitalização, será realizado também o restauro das edições cujo estado de conservação se encontra comprometido. Guardiã do passado do Estado Amazonas, a biblioteca da Imprensa Oficial segue com seu foco apontando para o futuro.


Reportar Erro